Sobre como as tragédias nos fazem repensar nossas vidas




Em meio a tragédias, redescobrimos nossa humanidade.



É difícil se deparar com uma grande tragédia humana e não se colocar no lugar. Poderia ter sido você. Seu pai. Seu marido. Seu avô. Seu amigo. São pessoas como você. Com histórias, com família, com amores, com planos. Gente que programava a sua próxima semana. Gente que esperava conquistar sonhos. Gente que tinha gente esperando. Nossa humanidade nos aproxima um dos outros e nos faz perceber que não temos o controle de tudo.

São acontecimentos trágicos que nos fazem, mesmo que por um minuto, repensar a nossa vida. Nos ensinam lições. Porque aprendemos com a dor. E aprendemos que não temos porque lamentar. Por que lamentar? Lamentar por que você quer perder três quilos? Por que você gostaria de ter um melhor salário? Por que você não conseguiu viajar nas últimas férias? Nossas reclamações diárias são pífias e quando percebemos a fragilidade do ser humano, percebemos o nosso valor. É preciso fazer valer o tempo que temos aqui. Valer as emoções, valer as relações, valer a nossa passagem. 



Ame, não tenha vergonha. Demonstre seu amor. Seja amigo. Aproveite seu dia. Respire fundo e agradeça por poder encher os seus pulmões. Valorize as suas relações. Saiba sorrir. Saiba transmitir sorrisos. Saiba causar sorrisos. Tenha consciência de que a sua felicidade depende apenas de você e do modo que você encara a sua vida. Dê risadas. Muitas risadas. Cuide da sua saúde. Respeite o seu corpo. Entenda que ele é sua morada na Terra e você precisa tratar ele bem. Não dissemine ódio, inveja, rancor. Tente, tente sempre ser melhor. A impressão que você deixa nas pessoas e a diferença que você faz na vida dos outros vem diretamente das suas ações. E ao agirmos bem com os outros, os ajudamos a evoluir e crescemos nessa vida. Seja responsável por sua felicidade e não seja responsável pela tristeza alheia.



É preciso valorizar o tempo que temos, a oportunidade que temos de construir relações, disseminar bons sentimentos e vibrar amor. Perdemos preciosos segundos nos importando com o que não vale o nosso suor e esquecemos que nossa única missão na vida é disseminar amor e felicidade.


A vida é rápida, a vida é frágil, a vida acontece enquanto estamos ocupados fazendo planos. Faça a sua valer a pena.



O Debaixo do Guarda-Chuva se solidariza com os familiares e amigos das vítimas da tragédia da Chapecoense e reza para que todos encontrem a paz.


0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores

Atenção

Debaixo do Guarda-Chuva é um site de entretenimento e lifestyle. A reprodução do conteúdo do site é permitida, com os devidos créditos. Se tiver alguma dúvida entre em contato com blogdebaixodoguardachuva@gmail.com.

Manifeste-se

Dúvidas, sugestões, reclamações, elogios, desabafos e nudes, envie e-mail para blogdebaixodoguardachuva@gmail.com

Debaixo do Guarda-Chuva Copyright © 2013 - Designer by Papo Garota,Programação Emporium Digital, Logo, Banner e Identidade Visual Studio Grazie