Compras em Miami

E nos posts sobre Miami, hoje falaremos sobre... COMPRAS!



Muitos consideram Miami o paraíso das compras. Realmente são muitas opções de lojas e locais, mas com o preço do dólar ultimamente, é preciso valer muito a pena para levar algum item para casa. Apesar da famosa frase "quem converte não se diverte" dos viajantes, se o seu objetivo é fazer muitas compras, faça sempre a continha para ver quanto que é o valor em reais. Pois não adianta nada gastar todo seu salário nos EUA só porque dizem que lá tudo é barato e no fim achar as coisas por aqui mais em conta, não é?

Fomos com o dólar a R$3,4. Considerando as taxas de lá e as nossas, eu sempre multiplicava os valores por 4. Ah sim, você precisa saber um negócio: nos EUA, o valor dos impostos não está incluso no produto. Então tudo o que você comprar lá vai ter um adendo de "tax". Em Miami é 8%. Ou seja, se uma bolsa custa US$ 20, o valor final dela será esses US$ 20 + 8% desse valor. Isso se você estiver pagando em dinheiro. Se pagar no cartão, precisa torcer para a sua fatura fechar em um dia que o dólar esteja muito em baixa no Brasil, pois além das taxas de lá, você paga as taxas daqui.


Deixando as contas de lado, vamos às compras?



Visitamos dois lugares conhecidos por suas lojas: a Lincoln Road, em South Beach, e o Dolphin Mall, próximo ao aeroporto. Vamos lá falar primeiro sobre a Lincoln Road.


Lincoln Road



A Lincoln Road é um shopping a céu aberto. Toda sua extensão é fechada para carros e seus dois lados são repletos de lojas e restaurantes. No centro, algumas pracinhas de convivência e mesas dos restaurantes, que dão um ar de barzinho aos locais. Mas falo sobre eles no tópico comida e diversão. 



Na Lincoln Road você encontra muitas lojas conhecidas. Há uma enorme loja da Apple, sempre lotada, com gadgets que eu nunca vi pelo Brasil. Mas também não aproveitei muito, já que não tenho iPhone. Hahahaha. Calma, não sou louca, entrei lá porque meu pai queria um carregador de celular para carro. E realmente, com toda a conversão, é mais barato do que no Brasil. Para os aficionados pela Apple, é um paraíso.



Outra loja gigante lá - e essa sim, meu paraíso - é a Forever 21. São três andares e muitas opções de roupas. Muitas. Muitas. Moraria lá! E o preço é realmente aqueles prometidos no Brasil: blusas a US$ 8, calças, vestidos, biquínis, lingeries, bolsas, um mooonte de penduricalhos para cabelo, dá para fazer a festa! O item mais caro que achei lá era US$ 24,99. O que, na nossa continha de conversão, dá quase R$ 100. Daí parece que perdeu um pouco a graça, não é? Rs. Além da loja ser gigante e ter muita mulher enlouquecida dentro, tinha um detalhe especial: fui para Miami no ápice do verão. A Lincoln Road é um shopping a céu aberto, certo? Muita gente entrava lá pura e simplesmente para respirar um pouco de ar condicionado! Hahahahaha



Tem também uma loja da Victoria's Secret gigante, colorida e cheias de peças lindas. Nessa confesso que fiz compras. Dois tops por US$ 40. Já são meu xodó. Ao lado, tem a loja da Pink, uma submarca da Victoria's Secret que eu até então não conhecia. Me pareceu ter uma pegada mais teen/esportiva, até pelo público que estava dentro. Ou talvez porque a minha amiga que me pediu coisas de lá é esportista. Rs

Você também encontra lá Zara, H&M, Havaianas e outras tantas lojas. Entrei nas mais conhecidas, e pela conversão, pouca coisa me pareceu valer a pena. As peças são diferentes, mas se o objetivo é economizar, essa conta não fecha. Entrei na loja da Pandora atrás de charms para a minha pulseira, e descobri que berloques da Vivara ainda valem muito mais a pena. Mais baratos, e na minha opinião, mais bonitos. Pelos menos mais bonitos do que aqueles que vi na loja. Agora, se o objetivo não é economizar em Miami, e sim se presentear, é um ótimo lugar para se aproveitar! 


Dolphin Mall



O Dolphin Mall é vendido como o maior shopping outlet de Miami. Ele é realmente gigante. Enquanto na Lincoln Road conseguimos chegar a pé, para o Dolphin Mall andar com as próprias pernas não é muito fácil. Pegamos um Uber até lá, que apesar do trânsito intenso, ficou apenas US$5. Tá aí uma grande vantagem em Miami: Uber. Usem. É bem baratinho! A maioria dos hotéis contam com algum serviço conveniado de van para levar ao Dolphin Mall. Mas os próprios funcionários dizem que o Uber vale mais a pena! 



São muitas lojas e restaurantes no Dolphin Mall. Ele é dividido em ilhas de acordo com o tema. Você anda bastante lá, mesmo, porque a vontade é entrar em todas as lojas independente de fazer compras. Tem muitos quiosques também que vendem maquiagens, itens para cabelos e perfumes realmente baratos. Além das lojas mundialmente conhecidas, como Banana Republic, Forever 21, Calvin Klein, Bloomingdales, entre tantas outras, há grandes lojas americanas com preços e variedades incríveis. Uma delas é a Burlington. São bolsas, sapatos, tênis, vestidos, roupas, cacarecos para crianças, tudo realmente bem acessível e com muita opção. Vi vestidos de festa lá lindos por US$ 10. E a qualidade me parecia boa! Pena que não estava precisando de nenhum hahaha. Dessa eu levei uma bolsa que virou o meu xodó, por US$ 19.


Há também muitas lojas esportivas, com relógios para medir a pulsação e tênis. Fui de loja em loja e no fim acabei na Sketchers, levando esse tênis aqui depois de bater um super papo com uma vendedora e descobrir que ela era brasileira no fim, quando já tinhamos gastado todo o nosso inglês uma com a outra!


Lá você realmente encontra de tudo: roupas femininas, masculinas, sociais, esportivas, tênis, sapatos, sandálias, chinelos, bolsas, malas, games, relógios, perfumes, maquiagens, brinquedos. Tudo que pode ser comprado está lá. Sério. 


Dica: se o seu objetivo é compras, vá cedo para isso. O shopping é realmente grande e é uma longa caminhada dentro dele. Nós fomos no fim da tarde, umas 17h, e nos avisaram que o shopping fechava as 22h. Pensamos "ah ok, dá tempo". Quando deu umas 18h30 ficamos com fome e fomos comer. Na volta continuamos vendo as lojas e quando fomos ver, era 21h30 e muitas já estavam fechadas ou fechando. Eu tinha gostado de algumas coisas na Forever 21 e pensado em voltar mais tarde para pegar, e pof na minha cara. Não peguei. Bolso agradece, mas lado consumista ficou tristinho. Os preços lá são mais baratos do que da Lincoln Road, mas ainda é preciso pesquisar bem e bater muita perna dentro para negociar os valores e ser positivo para você. Se você avisa numa loja que a outra está vendendo mais barato, eles cobrem o preço. Eles não pedem comprovação, mas não é por isso que você vai dar uma de Lotche e sair mentindo por aí, não é?



Se você ficou interessado, pode ver as lojas do Lincoln Road aqui e as do Dolphin Mall aqui. Daí você já programa as suas compras! E independente de compras, o passeio é válido! 


No próximo capítulo, comidas e diversão! Aí sim vem a parte boa!! :)








0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Informações

Todas as imagens que aparecem no site são reproduções de outros sites e o Debaixo do Guarda-Chuva não reivindica nenhum crédito para si, a não ser que especificado. Se você (ou sua empresa) possui os direitos de alguma imagem e não quer que ela apareça no Debaixo do Guarda-Chuva entre em contato e ela será removida.

Seguidores

Atenção

Debaixo do Guarda-Chuva é um site de entretenimento e lifestyle. A reprodução do conteúdo do site é permitida, com os devidos créditos. Se tiver alguma dúvida entre em contato com blogdebaixodoguardachuva@gmail.com.

Manifeste-se

Dúvidas, sugestões, reclamações, elogios, desabafos e nudes, envie e-mail para blogdebaixodoguardachuva@gmail.com

Debaixo do Guarda-Chuva Copyright © 2013 - Designer by Papo Garota,Programação Emporium Digital, Logo, Banner e Identidade Visual Studio Grazie